Deputados trabalham para afrouxar a PEC da prisão na segunda instância

Enquanto a PEC da prisão na segunda instância está em banho-maria, deputados vão tentando desfigurá-la nos bastidores.

O Antagonista apurou e o deputado Fábio Trad (PSD), relator da proposta, confirmou: há um grupo na Câmara fazendo de tudo para, digamos, amenizar o teor da PEC.

Segundo o próprio Trad disse ao site, existe “uma corrente” — ele não citou deputados, nem partidos — que defende que a PEC deve incidir apenas sobre os fatos praticados depois da sua promulgação.

“Eu discordo. Defendo que a PEC deva incidir sobre os processos iniciados após a sua promulgação, mesmo que envolvam fatos praticados antes do início de sua vigência. Não vejo razão jurídica alguma que possa sustentar a tese contrária.”

Entenderam bem? A movimentação é para que todos aqueles que cometeram crimes até a promulgação da PEC sejam praticamente livres de prisão.

Trad nega que esteja sendo “pressionado”, mas O Antagonista sabe que agora ele ouve sugestões de defensores de Lula e de Flávio Bolsonaro.

Fonte: O Antagonista.



Categorias:Home, Política

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: