Bandeira de Mello quer suspender Deltan por atividade político-partidária

Luiz Fernando Bandeira de Mello Filho, relator de um dos casos envolvendo Deltan Dallagnol, se articula com outros conselheiros do CNMP para suspender o procurador da Lava Jato.

A estratégia é acusar Deltan de exercer “atividade político-partidária”, o que é proibido a membros do Ministério Público.

O procurador é acusado por Renan Calheiros, padrinho político de Bandeira de Mello, de se manifestar contra a candidatura do senador à Presidência do Senado, no ano passado.

Na semana passada, o conselheiro foi alvo de um pedido de suspeição do Muda, Senado justamente por seu vínculo com Calheiros.

Fonte: O Antagonista.



Categorias:Home, Lava Jato

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: