STF forma maioria para derrubar dossiê do governo sobre ‘antifascistas’

Relatora é a ministra Cármen Lúcia

Trata-se de lista de informações

Sobre 579 críticos do governo

O plenário do STF (Supremo Tribunal Federal) formou maioria (6 dos 11 ministros) na tarde desta 5ª feira (20.ago.2020) para suspender o dossiê do governo sobre servidores classificados como ‘antifascistas’.

O debate envolve documento produzido por órgão do Ministério da Justiça com uma lista de informações sobre 579 policiais e professores críticos ao governo e opositores do presidente Jair Bolsonaro.

A relatora do caso é a ministra Cármen Lúcia. Leia a íntegra (143 KB) do relatório da magistrada. Para ela, “não compete a ninguém fazer dossiê contra quem quer que seja nem instaurar procedimento inquisitorial”“O Estado não está acima da lei”, afirmou a ministra.

O 6º voto foi dado pelo ministro Luiz Fux. Concordou integralmente com a relatora. “A questão não é o conteúdo, mas o procedimento adotado”, disse o presidente eleito do Supremo.

Antes de Fux, votaram contra o dossiê –além da relatora, Cármen Lúcia–, Alexandre de Moraes, Edson Fachin, Luís Roberto Barroso e Rosa Weber.

O julgamento foi interrompido para o intervalo dos ministros e será retomado logo mais com o voto do ministro Ricardo Lewandowski.

Assista abaixo à sessão desta 5ª feira (20.ago):

Fonte: Poder360.



Categorias:Home, Justiça

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: